OBRAS DO SASI

OBRAS DO SASI
SASI

ESCOLA INTERATIVA

ESCOLA INTERATIVA
ESCOLA INTERATIVA

DIÁRIO DIGITAL

DIÁRIO DIGITAL
DIÁRIO DIGITAL

SASI

SASI
SASI

ENEM

ENEM
ENEM

CAMPANHA CONTRA O BULLYING

domingo, 10 de abril de 2016

Estas são palavras da Madre Tereza de Calcutá: “Torna-nos dignos, Senhor, de servir nossos irmãos que vivem e morrem pobres e com fome no mundo de hoje.”

Ser humano raríssimo que com o seu exemplo ensina o que é verdadeiramente AMAR. Vida sublime a vida desta mulher. Com 18 anos encontra seu caminho de fé no coração dos esquecidos de Calcutá. Linda menina que poderia ter buscado uma vida de fama e muita riqueza. Preferiu dedicar se inteiramente aos mais pobres, miseráveis, doentes, abandonados e excluídos da sociedade. Tudo fazia por eles e dizia sempre  que enquanto os governos não enxergam os condenados do mundo ela ia praticando a caridade nas ruas de Calcutá. Cuidou de muita gente necessitada, possibilitando abrigo, conforto, carinho, tratando de feridas todo o tempo de sua vida.  Ao conhecer a vida deste grande ser humano podemos acreditar que é possível um novo mundo.  Quantos necessitados de carinho, conforto, comida, abrigo temos neste país de pobres cada vez mais pobres?  Quantos doentes, necrosados, quanta gente sofrendo neste país onde cada vez mais está incerto receber o próprio salário? Enquanto isso os homens estão em luta pelo poder.  Madre Tereza de Calcutá ganhou o Prêmio Nobel da Paz, em 1979, e empregou todo o dinheiro que ganhou em obras de caridade na Índia e em diversos países onde fundou Abrigos, Escolas, Hospitais sempre para atendimento aos necessitados. Ficamos a refletir em quanta futilidade vemos em torno da figura da mulher na televisão, na internet, com exibição de coisas completamente sem sentido e assim quando lembramos desta grande mulher que se abandonou na entrega aos pobres de Deus já vislumbramos um mundo bem diferente. Penso que a exemplo do que disse Guimarães Rosa as pessoas boas não morrem se encantam e Madre Tereza está encantada e eterniza todos os dias o seu exemplo de amor pelos, excluídos, repelidos, escorraçados, banidos, abandonados, expulsos, isolados, enfim os condenados do mundo. Por Deodato Gomes, depois de reassistir o filme de Madre Tereza de Calcutá.

São muitas preciosidades escritas e ditas pela Madre Tereza, inclusive aquela muito conhecida e utilizada na escola que começa com a frase:"  O dia mais belo:hoje..." e termina com a expressão: "A força mais potente do mundo: a fé, As pessoas mais necessárias: os pais, A mais bela de todas as coisas: O AMOR!"  Mas hoje queremos apresentar aqui é esta grande oração  da Madre Tereza, que é super coerente com todo seu modo de vida e nos coloca em reflexão. Quando nos sentirmos aflitos pela necessidade de algo material, psicológico ou espiritual em nossa vida, podemos meditar com a Madre de Calcutá, assim:
Senhor, quando eu tiver fome,
dá-me alguém que necessite de comida.
Quando tiver sede,
dá-me alguém que precise de água.
Quando sentir frio,
dá-me alguém que necessite de calor.
Quando tiver um aborrecimento,
dá-me alguém que necessite de consolo.
Quando minha cruz parecer pesada,
deixa-me compartilhar a cruz do outro.
Quando me achar pobre,
põe ao meu lado alguém necessitado.
Quanto não tiver tempo,
dá-me alguém que precise
de alguns dos meus minutos.
Quando sofrer humilhação,
dá-me ocasião para elogiar alguém.
Quando estiver desanimada,
dá-me alguém para lhe dar novo ânimo.
Quando sentir a necessidade
da compreensão dos outros,
dá-me alguém que necessite da minha.
Quando sentir necessidade de que cuidem de mim,
dá-me alguém que eu tenha de atender.
Quando pensar em mim mesma,
volta minha atenção para outra pessoa.
Torna-nos dignos, Senhor,
de servir nossos irmãos
que vivem e morrem pobres e com fome
no mundo de hoje.
Dá-lhes, através das nossas mãos,
o pão de cada dia e dá-lhes,
graças ao nosso amor compassivo,
a paz e a alegria.
(Madre Teresa de Calcutá)

Nenhum comentário: