AVALIAÇÃO

AVALIAÇÃO
AVALIAÇÃO

DIÁRIO DIGITAL

DIÁRIO DIGITAL
DIÁRIO DIGITAL

NATAL

NATAL
natal

ENCEJJA

ENCEJJA
encejja

Campanha

Campanha
Campanha

CAMPANHA CONTRA O BULLYING

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Designação para o cargo de ASB na rede estadual de Carlos Chagas, acontece neste sábado (16/12) na Escola João Beraldo.



A chamada inicial para designação presencial para o cargo de Auxiliar de Serviços da Educação (ASB), antigo Ajudante de Serviços Gerais, da rede estadual de ensino, para trabalhar nas Escola Estaduais de Carlos Chagas,  com vigência de exercício a partir de 01 de fevereiro de 2018, será realizada neste sábado (16/12), na Escola Estadual Dr. João Beraldo, na Avenida Gabriel Passos nº 393 - Centro. Podem participar desse processo  todos os candidatos que se inscreveram na chamada pública realizada pela Secretaria de Estado de Educação (SEE) de 25/10 a 10/11. As listagens classificatórias que serão utilizadas para as designações dos candidatos estão disponíveis para consulta no site



O local e horário da designação foi definido pela Regional e acontecerá na Escola João Beraldo. Os editais das vagas de todas as escolas estaduais  de Carlos Chagas estão disponíveis para designações e podem ser consultados no site 
No ato da designação, o candidato deve apresentar, pessoalmente, as vias originais e cópias de documentos, como comprovante de habilitação/escolaridade; certidão de tempo de serviço; documento de identidade; entre outros. 


Confira aqui a lista completa dos documentos definida na  Resolução SEE nº 3660/2017 através do  Artigo 44.  A documentação deve comprovar as informações prestadas na inscrição do candidato que definiu a  sua classificação.
 Art. 44 - No ato da designação, o candidato deve apresentar, pessoalmente, as vias originais e cópias dos documentos relacionados a seguir, cujas cópias serão autenticadas e arquivadas no Processo Funcional do servidor:
I – comprovante de aprovação em concurso vigente na data de início das inscrições para designação para cargo correspondente à função a que concorre;
II – comprovante de habilitação/escolaridade, qualificação e formação especializada para atuar na função a que concorre, através de Registro Profissional ou Diploma Registrado ou Declaração de Conclusão de Curso acompanhada de Histórico Escolar;
III – certidão de tempo de serviço;
IV – documento de identidade;
V – comprovante(s) de votação da última eleição ou Certidão de quitação eleitoral;
VI – comprovante de estar em dia com as obrigações militares, para candidato do sexo masculino, dispensada a exigência quando se tratar de cidadão com mais de 45 (quarenta e cinco) anos;
VII – comprovante de inscrição no PIS/PASEP, ou declaração de próprio punho de que não possui;
VIII – comprovante de registro no Cadastro de Pessoas Físicas - CPF;
IX – comprovante de exame pré-admissional atestando a aptidão para a função pleiteada, observadas as normas estabelecidas pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão e pela legislação vigente;
X – declarações, devidamente datadas e assinadas, fornecidas no ato da designação pela autoridade responsável, conforme modelo constante do Anexo V desta Resolução:
a) de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público federal, estadual ou municipal;
b) de não ter sido demitido a bem do serviço público;
c) de que não está em afastamento preliminar à aposentadoria ou aposentado em decorrência de invalidez total ou parcial;
d) de que o tempo declarado no processo de inscrição não foi utilizado para aposentadoria voluntária ou compulsória;
e) de que não incorre em nenhuma das hipóteses de impedimento para designação previstas no Decreto nº 45.604, de 18 de maio de 2011.
§1º - Nenhum candidato poderá ser designado antes da apresentação da documentação relacionada neste artigo.
§ 2º - Os documentos relacionados nos incisos II e III deste artigo deverão estar em consonância com o estabelecido nas Resoluções vigentes que definem procedimentos para inscrição e critérios de classificação de candidatos à designação para o exercício de função pública na Rede Estadual de Ensino.

A designação é uma forma de preencher interinamente os cargos para garantir o funcionamento das escolas estaduais, conforme o artigo 10 da Lei 10254/1990. O processo é essencial na preparação da rede pública para o início do ano letivo de 2018. As designações para os outros cargos serão realizadas em janeiro ou fevereiro de 2018, conforme cronograma que será divulgado aqui no Girassol oportunamente.  

Nenhum comentário: