AVALIAÇÃO

AVALIAÇÃO
AVALIAÇÃO

DIÁRIO DIGITAL

DIÁRIO DIGITAL
DIÁRIO DIGITAL

NATAL

NATAL
natal

ENCEJJA

ENCEJJA
encejja

Campanha

Campanha
Campanha

CAMPANHA CONTRA O BULLYING

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

O Conselho Nacional da Educação (CNE) aprovou o Parecer e a Minuta de Resolução da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) referente ao Ensino Médio.Segundo o presidente da comissão da base, o documento aprovado prevê que apenas português e matemática tenham carga horária obrigatória em todos os três anos do ensino médio.




O texto original foi entregue pelo Ministério da Educação (MEC) ao CNE em abril deste ano e desde então foi submetido a audiências públicas em diferentes regiões e recebeu contribuições da sociedade. O documento se soma à etapa da BNCC do Ensino Fundamental e da Educação Infantil homologada no ano passado. Pela primeira vez o país vai contar com uma normativa nacional que define o conjunto de conhecimentos essenciais e indispensáveis a crianças e jovens. Isto vai contribuir para diminuir as desigualdades educacionais entre estados e promover a qualidade da aprendizagem. 

"Você tem um Ensino Médio que não é mais aquele igual para todo mundo e nem totalmente estruturado porque ele precisa trabalhar com diferenças que existem tanto do ponto de vista regional como até individual do próprio estudante. Isso tudo guiou muito uma base que ela vai ter referencial importantes mas que ele não impõe determinadas questões a serem trabalhadas. É esse o trabalho que a gente vai fazer para que a gente possa ter o que a gente chama de equidade.Um resultado final que dê garantia ao acesso ao mundo do trabalho e de acesso ao ensino superior a todos os estudante brasileiros."  Eduardo Deschamps-Presidente da Comissão da BNCC-do CNE

O texto segue agora para homologação pelo MEC. A BNCC servirá de orientação  à elaboração dos currículos das redes municipais, estaduais e federal de ensino, tanto nas escolas públicas quanto nas particulares. Os estados terão um ano para fazerem o cronograma de implementação e mais um ano para efetivar as mudanças.

" O governo se preparou para apoiar as redes nesse processo e nós vamos seguir acompanhando enquanto estivermos aqui". Kátia Smole-Secretaria de Educação Básica do MEC


Nenhum comentário: