ESCOLA INTERATIVA

ESCOLA INTERATIVA
ESCOLA INTERATIVA

DIÁRIO DIGITAL

DIÁRIO DIGITAL
DIÁRIO DIGITAL

CAMPANHA CONTRA O BULLYING

sábado, 7 de maio de 2016

Criar uma rotina de estudos é uma tarefa árdua, mas perfeitamente possível se você tiver em mente seus objetivos e planejar bem as suas tarefas durante o dia. Listamos aqui oito dicas práticas para te ajudar a organizar uma rotina de estudos. Vamos conhecê-las:


A conquista da tão sonhada vaga em um curso superior e a aprovação em um concurso ou processo seletivo normalmente exigem do estudante muita dedicação e preparação. Mais do que saber o conteúdo das disciplinas e áreas do conhecimento, é importante saber desenvolver o seu raciocínio lógico, fazer a conexão entre os saberes e ainda ficar por dentro do que ocorre em nosso país e no mundo em termos de atualidades e conhecimentos gerais, principalmente para quem está se preparando para a as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para isso, é importante criar uma rotina de estudo. Uma tarefa árdua sim, mas perfeitamente possível se você tiver em mente seus objetivos e planejar bem as suas tarefas durante o dia. Listamos aqui oito dicas práticas para te ajudar a organizar uma rotina de estudos.

1 – Definir bem os horários de estudo é fundamental para criar uma rotina. Você deve delimitar os dias e em quais horários irá estudar, os intervalos de descanso e criar uma planilha. Coloque no papel, ou um cartaz na parede, para que você visualize diariamente a sua rotina de estudos. Se preferir, faça lembretes no seu smartphone ou computador.
2 – Procure manter sua rotina de estudos de segunda a sábado, sempre respeitando os horários de sono. O descanso é fundamental para manter a concentração. O domingo você pode aproveitar para descansar e curtir suas atividades de lazer.
3 – Aproveite parte do seu tempo livre navegando na Internet para pesquisar assuntos de atualidades, em portais de notícias e artigos, pois esses assuntos são recorrentes nas provas do Enem. Não custa lembrar que a leitura de jornais, revistas e livros é sempre bem-vinda para qualquer estudo.
4 – Relembrar o conteúdo estudado naquele dia ou na semana na escola ou no cursinho é uma boa dica para fixar aquele conhecimento. Resolver questões diversas sobre esse conteúdo é uma forma de colocar em prática a teoria passada em sala de aula pelo professor.
5 – Praticar redação é prerrogativa para se dar bem em quase todos os processos seletivos. Tente escrever pelo menos uma redação por semana. Veja os temas e estilos de textos mais recorrentes nos vestibulares, Enem e concursos e peça ajuda a um professor para corrigi-la.
6 – Resolva provas de vestibulares antigos, concursos e provas do Enem de anos anteriores. A partir do segundo semestre, o estudante pode, uma vez por semana, destinar até duas horas por dia para fazer questões de provas passadas. Dessa forma, você vai se adaptando aos tipos de questões que costumam ser cobradas nessas avaliações.
7 – Simulados também são bem interessantes porque, além de medir o conhecimento, o estudante pode treinar a situação do dia da prova. Mesmo para quem estuda em casa, dá para simular. Baixe provas antigas e tente representar um dia de prova em casa.

8 – A palavra chave é: persistência. Persistência para não desistir do seu planejamento diário, para não cair na tentação de sair com os amigos no horário de estudos, assistir TV, perder horas do seu dia em redes sociais, para não deixar as coisas pra depois. Pode acontecer de um dia ou outro você quebrar a sua rotina de estudos, mas é preciso conhecer e respeitar os seus limites e manter o foco sempre na aprovação. Depois de um tempo você vai perceber que a rotina de estudos se tornou algo natural no seu dia-a-dia.
                                                                Blog da Educação-SEE.

Nenhum comentário: