Bullying

Mostrando postagens com marcador CALENDÁRIO. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador CALENDÁRIO. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 22 de julho de 2024

A Medida do Tempo: o ano solar, o mês lunar e a Semana de Sete Dias!


A órbita da Terra ao redor do Sol, as fases da Lua, e a representação de uma semana com sete corpos celestes, dentro de um cenário babilônico antigo.

Um ano é o tempo que a Terra demora para dar uma volta ao redor do Sol. E o conceito de mês nasceu dos ciclos lunares – embora esses blocos de trinta dias tenham se tornado independentes no calendário atual. Os dois têm a ver com fenômenos astronômicos, e, durante a maior parte da história, o desafio foi justamente encontrar uma convenção que agrupasse esses dois eventos.

A semana não tem esse problema. Ela é uma medida arbitrária de tempo, sem respaldo em ciclos naturais. Mesmo assim, sua origem tem um fundo astronômico. A primeira civilização a juntar os dias em pacotes de sete foi a Babilônia, império formado na região onde hoje é o Iraque.

A escolha remete aos sete corpos celestes observados a olho nu pelos babilônios: a Lua, Marte, Mercúrio, Júpiter, Vênus, Saturno e o Sol. Não é à toa que os nomes dos dias da semana, em latim, são Lunae, Martis, Mercurii, Jovis, Veneris, Saturni e Solis. Segunda a domingo, respectivamente. No último dia da semana ocorriam oferendas aos deuses.

No sexto século antes de Cristo, o déspota babilônio Nabucodonosor 2° deportou os judeus do atual território de Israel para a Mesopotâmia. Foi provavelmente nesse período que o judaísmo teve contato com a semana de sete dias – dando origem ao mito da criação, que aparece no Gênesis. Trabalho em seis dias e descanso no sétimo, o shabbat judeu.

Mas essa não foi a única configuração semanal que existiu. Os etruscos (um povo que habitava a península itálica) dividiam os dias em pacotes de oito. Essa tradição foi herdada pela Roma Antiga e persistiu até a ascensão do imperador Constantino. Convertido ao catolicismo, ele oficializou a semana judaico-cristã no ano 321 d.C. Além disso, decretou que o dia do Sol deveria ser destinado ao descanso e à oração. Por isso, o rebatizou de Dominica, “dia do Senhor”.

Foi assim que a semana de sete dias virou padrão na Europa e suas futuras colônias – sendo seis dias de trabalho e um domingo de descanso (nossa legislação trabalhista prevê meio expediente no sábado). Em Israel, a folga cai no sábado. E nos países islâmicos, que bebem da mesma tradição religiosa abraâmica, o dia de devoção é a sexta.

Na prática, muitas empresas tratam o sábado como folga remunerada, o que explica o fim de semana de dois dias. Quem deu origem a isso foram os trabalhadores ingleses do século 19. Ao sair das fábricas no sábado à tarde, eles aproveitavam a noite e o domingo inteiro para beber e festejar.

Na segunda-feira, a ressaca mantinha os foliões presos na cama. Muitos faltavam no trabalho no que ficou conhecido como “santa segunda”. Por isso, alguns patrões passaram a oferecer metade do sábado de folga, com a condição de que o pessoal batesse ponto normalmente na segunda. Com o tempo, nos EUA, o sábado inteiro virou feriado, para acomodar as tradições dos numerosos trabalhadores judeus – e gerar dois dias em que os empregados pudessem passear e consumir, o que dava um gás na economia. No início do século 20, a semana de cinco dias trabalhados se estabeleceu pelo mundo desenvolvido.

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2024

Análise detalhada do Calendário Letivo 2024 da Rede Municipal: estratégias e inovações pedagógicas.

O calendário escolar de 2024, elaborado pela Secretaria Municipal de Educação de Carlos Chagas, reflete um planejamento meticuloso destinado a otimizar o processo educativo nas diversas modalidades de ensino: Educação Infantil, Ensino Fundamental (anos iniciais e finais) e Educação de Jovens e Adultos (EJA) nos anos iniciais. Com 200 dias letivos distribuídos harmoniosamente ao longo do ano, o calendário está alinhado à Resolução SEE nº 4.928 de 17-11-2023, garantindo o cumprimento da legislação vigente.

Este calendário destaca-se pela inclusão de sábados letivos específicos para composição do calendário escolar, indicando uma flexibilidade necessária para adequação às demandas locais e garantia da carga horária obrigatória. As férias escolares, reuniões de pais e/ou responsáveis, conselhos de classe extra turno, e os períodos de estudos independentes de recuperação são estrategicamente posicionados para favorecer a continuidade do aprendizado e a participação ativa da comunidade escolar.

Além disso, o calendário incorpora eventos significativos como a Feira de Ciência e Artes, Assembleia Escolar, e o Dia Nacional do Censo Escolar, promovendo momentos de integração, avaliação e celebração das conquistas educacionais. A execução do Hino Nacional toda segunda-feira, estruturando um momento cívico nas Escolas, reforça o sentimento de patriotismo e respeito aos símbolos nacionais.

Em suma, o calendário letivo de 2024 é uma ferramenta pedagógica que transcende a mera organização temporal, representando um compromisso com a qualidade da educação e o desenvolvimento integral dos estudantes da rede municipal de Educação de Carlos Chagas.

A estruturação em bimestre no ensino regular e semestre na EJA no calendário letivo de 2024

A organização do calendário letivo de 2024 apresenta uma estrutura clara e bem definida, dividida em bimestres para o ensino regular e semestres para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) nos anos iniciais. Cada período bimestral conta com 50 dias letivos, totalizando 200 dias ao longo do ano, o que está em conformidade com a legislação educacional brasileira que estipula o mínimo de 200 dias letivos.

Para o ensino regular, observa-se a inclusão de períodos específicos para o Conselho de Classe (C1, C2, C3, C4) ao final de cada bimestre, permitindo uma avaliação coletiva do progresso dos estudantes e a tomada de decisões pedagógicas pertinentes. Além disso, estão programadas reuniões com pais após o término de cada bimestre, o que é essencial para a integração família-escola, proporcionando um momento para discussão do desenvolvimento acadêmico e comportamental dos alunos.

No caso da EJA, a organização semestral com 100 dias letivos por semestre destaca um modelo adaptado às necessidades dessa modalidade de ensino, permitindo uma imersão mais intensa no conteúdo e facilitando a conclusão dos ciclos educacionais em um tempo ajustado às realidades dos estudantes adultos.

Essa estruturação do calendário promove uma gestão eficaz do tempo escolar, garantindo não apenas o cumprimento dos requisitos legais, mas também a implementação de práticas pedagógicas que favorecem a aprendizagem significativa, a avaliação contínua e a participação ativa da comunidade escolar no processo educativo.


Crivo do Calendário 2024: o reequilíbrio dos 40 dias nos dias da semana!


Analisando detalhadamente o "Crivo Calendário 2024 - Regular", observamos a distribuição dos dias letivos por dia da semana ao longo dos meses, com o objetivo de cumprir a meta de 200 dias letivos estabelecida pela legislação educacional brasileira. A análise foca na quantidade de dias letivos por dia da semana e identifica as adequações feitas para atingir o requisito mínimo.

Distribuição dos Dias Letivos:

    Segunda-feira: Totaliza 41 dias letivos, excedendo em 1 dia a meta de 40 dias.

    Terça-feira: Também conta com 41 dias letivos, ultrapassando em 1 dia a meta.

    Quarta-feira e Quinta-feira: Ambos os dias apresentam 39 dias letivos, ficando 1 dia abaixo da meta de 40 dias.

    Sexta-feira: Apresenta 38 dias letivos, 2 dias a menos que a meta.

    Sábado: Contabiliza apenas 2 dias letivos, utilizados de forma excepcional.

Análise e adequações:

    As segundas e terças-feiras excedem a meta de 40 dias letivos para cada dia da semana, indicando uma necessidade de reequilíbrio.

    As quartas e quintas-feiras estão ligeiramente abaixo da meta, sugerindo uma pequena defasagem que necessita ser ajustada com uma redistribuição mais equilibrada dos dias letivos.

    A maior discrepância ocorre nas sextas-feiras, com uma deficiência de 2 dias para atingir a meta. Isso indica igualmente fazer os ajustes dos dias que excedem para os dias da semana que faltam para atengir 40..

    Os sábados são utilizados de forma muito limitada, apenas em duas ocasiões específicas (06/04 e 10/08), exatamente para  compensação de dias letivos não registrados de segunda a sexta feira.

Ajustes para Equilíbrio:

Para atingir um equilíbrio mais preciso e cumprir a meta de 40 dias letivos para cada dia da semana, foi feita a revisão e redistribuido alguns dias letivos. Considerou a transferência de um dia letivo das segunda 16-12 e sábado 10-08 para as sextas-feiras, além disso transferiu-se uma terçafeira 06-02 para uma quinta, e o sábado 06-04 para quarta feira, garantindo assim que todos os dias da semana, exceto sábado, atinjam a meta de 40 dias letivos.

 Isso não apenas cumpre os requisitos legais, mas também promove uma distribuição mais uniforme do ensino, evitando sobrecargas em dias específicos e favorecendo um ritmo mais equilibrado para alunos e professores.

Calendário Letivo 2024: educação e cidadania em foco!

 O planejamento do calendário letivo de 2024, conforme a Resolução SEE Nº 4.928, de 17 de novembro de 2023, incorpora datas significativas que refletem a diversidade de temas relevantes para a formação cidadã dos alunos. Este planejamento visa não apenas cumprir exigências legais, mas também promover uma educação integral, que aborde questões sociais, ambientais e culturais.

Março inicia com a Semana Escolar de Combate à Violência Contra a Mulher (04 a 08), culminando no Dia Internacional da Mulher (08), uma oportunidade para discutir igualdade de gênero e direitos das mulheres.

21 de Março, o Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, será marcado por atividades que promovam o respeito à diversidade e a conscientização sobre o racismo.

Na semana de 21 de Abril, a Semana dos Direitos Humanos enfatizará a importância dos direitos fundamentais e da dignidade humana.

17 de Maio e 29 de Maio serão dedicados, respectivamente, ao combate à homofobia e ao Censo Escolar, destacando a importância da inclusão e da coleta de dados para a melhoria da educação.

5 de Junho, o Dia Mundial do Meio Ambiente, e 12 de Junho, o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil, serão momentos para reflexão sobre a sustentabilidade e os direitos das crianças.

19 a 26 de Junho, a Semana Estadual de Prevenção às Drogas, e 12 a 18 de Agosto, a Semana Estadual das Juventudes, oferecerão espaços para discussões sobre prevenção e o papel dos jovens na sociedade.

10 de Outubro, o Dia Nacional de Segurança e Saúde nas Escolas, e 18 a 24 de Novembro, a Semana de Educação para a Vida, incluindo o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra (20 de Novembro), serão oportunidades para abordar temas de segurança, saúde e a valorização da cultura afro-brasileira.

Este planejamento é uma ferramenta vital para a promoção de uma educação que valorize a diversidade, o respeito mútuo e a construção de uma sociedade mais justa e inclusiva.

Para oportunizar essas reflexões, sugere-se a realização de projetos interdisciplinares, palestras com especialistas, oficinas criativas e debates em sala de aula. Além disso, a promoção de atividades culturais, como apresentações teatrais e exposições, pode enriquecer o aprendizado e engajar os alunos de maneira significativa.

quinta-feira, 23 de novembro de 2023

Secretaria de Educação divulga Calendário Escolar 2024

Divulgamos em nosso Blog o Calendário Escolar 2024 que tem o início do ano letivo marcado para dia 5 de fevereiro, em todas as escolas da rede municipal. O início do ano escolar, quando é feito o trabalho de planejamento escolar, está programado para o dia 1° de fevereiro. Já o término do ano letivo está previsto para o dia 13 de dezembro. 

O recesso escolar ao fim do primeiro semestre, tem previsão para ocorrer entre os dias 22 de julho até dia 2 de agosto. O recesso de outubro acontece entre os dias 14 e 18 de outubro.

O Calendário Escolar é um importante instrumento de gestão, porque ele traz as diretrizes tanto de procedimentos administrativos, quanto pedagógicos. 

quarta-feira, 18 de outubro de 2023

Tudo pronto para o encerramento do ano letivo de 2023: confira as datas finais importantes para não se atrasar!

A Secretaria Municipal de Educação anuncia as principais datas finais do calendário letivo do ano de 2023. As datas são cruciais para que alunos, pais e educadores possam se programar adequadamente para o final do ano letivo. Abaixo, destacamos as principais datas do calendário:

Início do 4º Bimestre: O ano letivo de 2023 teve seu quarto e último bimestre iniciado no dia 3 de outubro. Este é um período importante para que os estudantes revisem e consolidem o conteúdo aprendido ao longo do ano e finalizem com êxito o ano letivo.

Próximo Sábado Letivo:  O próximo sábado letivo ocorrerá em 18 de novembro, oferecendo uma chance extra de aprendizado antes do encerramento do ano letivo e a oportunidade de trabalhar o Dia da Consciência Negra.  Em 20 de novembro, celebramos o Dia da Consciência Negra, uma data importante para refletir sobre a história e a contribuição dos afrodescendentes para a cultura e a sociedade brasileira. A educação desempenha um papel fundamental na promoção da igualdade e na luta contra o preconceito racial, portanto não deixe de trabalhar esta data junto aos estudantes. 

Encerramento do Ano Letivo: O ano letivo de 2023 será encerrado em 20 de dezembro. Esta é a data em que os estudantes e educadores poderão celebrar os progressos alcançados ao longo do ano e se preparar para o merecido recesso de fim de ano e as férias.

A Secretaria Municipal de Educação reforça a importância de todos os envolvidos na comunidade escolar estarem cientes dessas datas e se programarem para um final de ano letivo sem atropelos. Além disso, pedimos aos Diretores, Supervisores e Professores que certifiquem-se de que o SISLAME (Sistema de Informações Escolares da Secretaria Municipal de Educação) esteja atualizado e que as informações foram e estão sendo lá inseridas no tempo correto.

Manter o SISLAME em dia é fundamental para garantir a eficiência e a transparência na gestão escolar. Isso contribuirá significativamente para a qualidade do ensino e o acompanhamento adequado do progresso dos alunos.

As datas mencionadas são fundamentais para garantir o final do ano letivo de 2023 e o desenvolvimento educacional de todos os alunos. Fiquem atentos e lembrem-se de acompanhar o calendário escolar e sua Agenda Anual das Atividades de 2023, do mês de outubro, novembro e dezembro, para executar as ações pensadas.

Desejamos a todos um final de ano letivo de 2023 produtivo e enriquecedor!

           Professor Deodato Gomes

segunda-feira, 19 de junho de 2023

Promovendo a Conscientização: Importância da Semana Estadual de Prevenção às Drogas


Caros Gestores do Amanhã,

Gostaria de lembrá-los sobre a Semana Estadual de Prevenção às Drogas, que está estabelecida no Calendário Escolar para o período de 19 a 26 de junho, conforme estipulado na Lei nº 16514/2006. Essa semana é destinada às atividades de conscientização e prevenção ao uso de drogas, seguindo as diretrizes estabelecidas pela Lei nº 12615, de 1997.

Conforme o documento da Agenda Anual das Atividades Escolares de 2023 do 1º semestre, esse período foi planejado para o desenvolvimento de projetos de conscientização sobre o problema das drogas. É importante lembrarmos que a prevenção ao uso de substâncias é uma questão relevante e deve ser abordada de forma educativa em nossas escolas.

Nesse sentido, gostaria de ressaltar a importância de planejarmos e realizarmos atividades significativas durante essa semana, que possam envolver estudantes, professores, pais e a comunidade em geral. Podemos realizar palestras, debates, oficinas, apresentações artísticas, produção de materiais informativos, entre outras ações, que contribuam para a conscientização dos riscos e consequências do uso de drogas.

Além disso, é fundamental que os projetos desenvolvidos durante essa semana sejam embasados em informações atualizadas e cientificamente comprovadas. Podemos contar com profissionais especializados, como psicólogos, assistentes sociais e profissionais da saúde, para auxiliar na orientação e realização dessas atividades.

Através desse engajamento em projetos de prevenção às drogas, estamos investindo na formação integral de nossos estudantes, promovendo uma educação que vai além dos conteúdos curriculares. Estamos contribuindo para a formação de cidadãos conscientes, responsáveis e capazes de fazer escolhas saudáveis para suas vidas.

Portanto, convido a todos os gestores a abraçarem essa oportunidade e organizarem as atividades da Semana Estadual de Prevenção às Drogas em suas escolas. Vamos unir esforços para enfrentar esse desafio e oferecer aos nossos estudantes uma educação que valoriza a saúde, o bem-estar e a construção de uma sociedade mais consciente.

Agradeço a atenção de todos e conto com o comprometimento de cada um na realização dessas ações importantes.

Atenciosamente,


Deodato Gomes Costa

Secretário Municipal de Educação


sábado, 1 de abril de 2023

Renovando nossas energias: uma mensagem inspiradora para o mês de abril.



Caros educadores e estudantes,

Chegamos ao mês de abril, o ano de 2023 avança com a finalidade de mais um momento essencial para o desenvolvimento da educação. É hora de renovar nossas energias e nos comprometermos ainda mais com o nosso propósito de construir um futuro melhor por meio do conhecimento.

Lembrem-se de que cada um de vocês é importante para o sucesso da educação em geral. Cada lição aprendida, cada objetivo alcançado, cada obstáculo superado, contribui para um futuro mais brilhante e próspero.

Neste mês, vamos nos motivar uns aos outros e nos apoiar mutuamente para alcançar nossos objetivos. Vamos ser persistentes e dedicados, mesmo nos momentos mais difíceis.

Lembre-se sempre do impacto positivo que a educação tem na vida das pessoas e do mundo em geral. Sigamos em frente com coragem, entusiasmo e determinação! Não nos faltará, força, fé para enfrentar todas as situações e muita gratidão para reconhecer as coisas boas que acontecem!...

Tenham um ótimo mês de abril!

                       Deodato Gomes

Abril tem:

  1. 17 dias letivos;
  2. dia 06 é recesso;
  3. dia 7 e 21 são dias de feriados nacionais;
  4. dia 24 finaliza o 1º bimestre e dia 25 começa o 2º;
  5. de 14 a 20 devem acontecer os Conselhos de Classes e Turmas.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2023

Educação divulga Calendário Escolar 2023 da rede pública municipal de Carlos Chagas. O início do ano letivo está previsto para o dia 6 de fevereiro, data em que começará as aulas em todas as escolas do município.

A Secretaria Municipal de Educação de Carlos Chagas divulga, o Calendário Escolar de 2023. O documento traz a programação das principais atividades pedagógicas a serem realizadas pelas unidades de ensino da rede, como dias letivos, organização dos bimestres, períodos de conselho de classe, reunião de pais, datas comemorativas, férias escolares, entre outros. O início do ano letivo está previsto para o dia 6 de fevereiro  do próximo ano, que é a data em que serão iniciadas as aulas em todas as 11 escolas da rede municipal de educação. 

Já o início do ano escolar, quando é feito o trabalho de planejamento escolar, está programado para o dia 1 de fevereiro de 2023. A partir da publicação, o calendário deverá ser organizado por cada unidade de ensino de forma a garantir o mínimo de 200 dias letivos para a organização anual, 100 cem dias letivos para a organização semestral e a carga horária anual prevista para os diferentes níveis e modalidades de ensino. 

O término do ano letivo de 2023 está previsto para ocorrer em 20 de dezembro. O recesso escolar de julho acontece de 17 a 31 desse mês; e o recesso conhecido como a semana do professor, de 9 a 13 de outubro. O Calendário Escolar também dispõe sobre datas comemorativas que as unidades de ensino irão realizar ações pedagógicas no decorrer do ano, como por exemplo, a Semana Escolar de Combate à Violência contra a Mulher, entre os dias 6 e 10 de março.

Importante destacar também que cabe ao diretor escolar cumprir e fazer cumprir o Calendário garantindo a carga horária exigida na Lei de Diretrizes e Bases da Educação do cumprimento de o mínimo de 800 horas anuais distribuídos em 200 dias letivos.

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2022

Calendário Escolar 2022

 


A Secretaria Municipal  de Educação publica o Calendário Escolar 2022.  O Calendário Escolar prevê o mínimo de 200 dias letivos e a carga horária legalmente estabelecida.

De acordo com o documento, o ano escolar na rede municipal, que é quando os professores e demais servidores retomaram as atividades, teve início no dia 01 de fevereiro, com a Semana Pedagógica. O ano letivo, que é marcado pelo retorno dos alunos às unidades de ensino, começou no dia 07 de fevereiro. Já o recesso escolar do mês de julho será de 11 a 22. O fim do ano letivo está previsto para o dia 16 de dezembro e do ano escolar para o dia 21 do mesmo mês.

Datas importantes para a organização e gestão das unidades escolares também constam no calendário, como período de duração dos bimestres, de realização dos conselhos de classe e reuniões com os responsáveis, além de datas para lançamento de resultados bimestrais pelos diretores e professores, por exemplo.

Semanas de conscientização

O Calendário Escolar também traz os períodos para realização de atividades previstas em lei, como a "Semana Estadual de Prevenção às Drogas”, instituída pela Lei nº 12.615, de 1997. A "Semana Estadual das Juventudes", instituída pela Lei nº 22.413 de 2016. Já a “Semana de Educação para a Vida”, instituída pela Lei Federal nº 11.988/2009.

Sábados letivos

Em 2022, a rede pública municipal terá quatro sábados destinados às atividades escolares em seu calendário. O primeiro acontecerá no dia 30 de julho. Em agosto será o dia 27, e  em setembro será o dia 24. O quarto sábado letivo será no dia 29 de Setembro. Esses dias serão considerados letivos destinados à composição dos dias letivos e da carga horária legalmente estabelecida.


segunda-feira, 19 de julho de 2021

Volta às aulas no 2º semestre em Carlos Chagas, será 03 de agosto de forma presencial. Confira o calendário. Escolas entram em recesso nos próximos dias e retornam em agosto com as atividades pedagógicas presenciais para todos os estudantes cujos pais autorizaram.



A rede municipal de Carlos Chagas estará retomando as atividades pedagógicas presenciais nas suas escolas, a partir do dia 03 de Agosto, de maneira segura, híbrida, gradual e facultativa. Nossa cidade avançou para a onda amarela, fruto de um trabalho exitoso da Secretaria de Saúde que se empenhou para que chegássemos a esta situação. No entanto sabemos que agora aumenta ainda mais a responsabilidade para manter esta classificação.  O nosso retorno está sendo preparado pela Secretaria de Educação desde  janeiro deste ano, junto às Escolas e seus Gestores,  quando vimos estudando e apropriando de  todos os documentos e informações emitidas pelas autoridades de saúde e preparando o ambiente escolar para receber as crianças e adolescentes cujos pais autorizarem o retorno para ao presencial. Com muita cautela e cuidado aguardamos todos os nossos estudantes para vivenciarmos, cumprindo responsavelmente os devidos cuidados, importantes momentos de aprendizagem presencial.

Calendário 2021 aprovado pelo Serviço de Inspeção.