CAMPANHA CONTRA O BULLYING

domingo, 21 de julho de 2019

O visual do filme Rei Leão é encantador, os alunos não podem deixar de assistir.

Divulgação do filme em tela digital no Cine Teca em Teófilo Otoni

Desde que fiquei sabendo da estreia da nova versão do  Rei Leão, me preparei para ir assistí-la no Cine Teca em Teófilo Otoni. Faço isto porque gosto de cinema e também porque  conhecendo o filme posso estudar uma forma de viabilizar o mesmo junto aos nossos estudantes. É um lançamento que entra em circuito internacional com sessões praticamente ao mesmo tempo em todos os países do mundo e é muito bacana que os estudantes estejam conectados com crianças, adolescentes e adultos em torno deste filme  que está sendo projetado  em todo o mundo. É muito interessante se conectar com a cultura de massa que envolve os filmes da Disney, pois eles tem sempre um ensinamento relevante e educativo para repassar  de uma forma muito inteligente e atraente. Compramos o filme no mercado livre e vamos retornar das férias escolares assistindo. 

Clique na imagem abaixo e confira o cartaz com as informações no álbum.




 Me lembro que em 1994, por ocasião do lançamento do filme em  desenho que virou uma febre, os alunos da Escola  João Beraldo depois de assistirem fizeram atividades escolares relacionadas à temática do filme. Surgiram chicletes com  figurinha que apresentavam  cenas do filme  e que  depois de fixadas no caderno, pedíamos para os mesmos comentarem. O filme pode ser trabalhado em qualquer escola, em todos os níveis da educação básica, com possibilidades de muito sucesso, no desenvolvimento da leitura e da escrita além da construção e desenvolvimentos das habilidades socioemocionais. De primeira mão, você tem já de cara um dos itens mais importantes para  um trabalho pedagógico: a atenção dos estudantes, uma vez que já estão mobilizados para assistirem ao filme. 
Bilheteria no Cine Teca em Teófilo Otoni
Vários temas podem ser explorados didaticamente a partir do filme, o importante é que o professor deve utilizá-lo como instrumento pedagógico, assistindo antes e desenhando seu plano de aula, ao invés de passar o filme apenas como lazer. Muitos temas podem ser trabalhados  como por exemplo: a cadeia alimentar que envolve os animais, desmatamento, a filosofia de um dos personagens, o Pumba, a ambição e a inveja,  sentimentos tóxicos que destroem as relações humanas, amizade,  as queimadas, as relações familiares, o tempo (ciclo da vida), o conflito entre gerações (os adultos como responsáveis pelo planeta que vai deixar para as crianças e jovens) entre muitos outros. 
Filme deslumbrante e encantador de  crianças e adolescentes e  de gente adulta que não se emburreceu  e não perdeu a sensibilidade.


O filme é muito lindo e nos emociona, abrindo muitas outras possibilidade de trabalho didático com os alunos. Tendo os mesmos já a memória da 1ª versão fica tudo mais fácil, uma vez que a história é a mesma, mas agora com animação digital mais convincente e emocionante no remake, porque mais plausível. Os filmes da Disney são atraentes e verdadeiros sonhos. Vale a pena assistir. Quero muito oportunizar aos nossos alunos agora que não podem ir a Teófilo Otoni assistir e já compramos uma cópia no mercado livre. 
Vejam as coisas permitidas no Cinema para não fugir da etiqueta exigida para assisitir a um filme.

Quem for a Teófilo Otoni, vale a pena ir, no entanto a fila é grande para comprar o ingresso, que só é vendido para as sessões  no próprio dia a partir das 14:30 horas, mas quando se chega a fila já tá grande. O preço do ingresso é R$20,00 (vinte reais) a inteira e R$10,00 a meia, tendo que apresentar carteira de estudante e ou declaração da escola para garantir a meia entrada. As pessoas acima de 60 anos, com a identidade também pagam meia, desde que compre o ingresso com o documento. São três sessões: 16:00, 18:00 e 20 horas. 

A gente sai do cinema pensando como foi feito esta arte que tem esse grande poder de nos encantar, de tão real que nos parece. Os professores não podem deixar seus alunos fora da experiência de assistir esta versão que é muito mais forte e cheia de ensinamentos importantes.
                                           Por Deodato Gomes 

Nenhum comentário: