CAMPANHA CONTRA O BULLYING

sábado, 16 de novembro de 2019

O preconceito é uma opinião sem conhecimento.


Partindo dos conceitos da antropologia, o preconceito é a formação de uma ideia pré-concebida sobre algo desconhecido, que se torna fixa, portanto, ter preconceito com a cultura e os valores de certo grupo social é acreditar nos mitos que o envolvem. Isso significa pessoas ou grupos que não aceitam indivíduos com pensamentos ou maneiras de viver diferentes da própria e o perigo começa quando essa “não aceitação” abre espaço para o ódio, violência e infelizmente para crimes.
Existem inúmeras pessoas que se juntam com o propósito de incitar o ódio contra alguém só pela raça, etnia, orientação sexual ou por qualquer outro motivo cultural ou social “diferente”, muitas vezes esses grupos ou pessoas se escondem atrás de perfis fakes e fazem comentários e posts preconceituosos no perfil de alguma pessoa, sim isso mesmo, de forma “aleatória”, sem nenhum motivo além da própria ignorância que existe no seu preconceito e muitas vezes sem nem conhecer a pessoa.
Isso é crime. Por isso se você já sofreu ou sofre de alguma forma ou conhece alguém nessa situação, DENUNCIE, junte o maior número de provas possíveis e procure uma delegacia especializada em crimes virtuais na sua cidade, se você não encontrar ou preferir o sigilo você pode acessar o site http://www.disque100.gov.br/ que é um serviço de denúncias e proteção contra violações de direitos humanos 24 horas e que funciona todos os dias da semana.

 NÃO SE CALE! Você tem o direito de escolher seus ideais e sua maneira de viver, deixe de lado esse pensamento de que “não vai dar em nada” ou “é só mais um comentário” e corra atrás dos seus direitos de ser livre sem ser julgado ou menosprezado.

   E se você faz algum tipo de comentário preconceituoso na internet, deixe sua ignorância de lado e aceite que existem pessoas diferentes de você, ninguém te obriga a concordar mas vamos pelo menos respeitar, esse seu ódio e preconceito não te leva a lugar nenhum.

Nenhum comentário: